Brincadeira de criança que nada! Aqui, o papo é de gente grande e para quem gosta de colocar a mão na massa — literalmente. Queridinhos dos brasileiros, os reality shows e os programas de gastronomia chegaram ao país com força total e se tornaram tendência.

Além de serem fonte de entretenimento, os programas transmitem verdadeiros ensinamentos para os amantes da arte de cozinhar. Com exibições em canais abertos e a cabo, eles conquistaram o público e ganharam espaço cativo na programação dos brasileiros.

Confira abaixo os 18 melhores programas de culinária para quem almeja ser chef.

MasterChef Brasil

Abrindo a nossa lista, o MasterChef Brasil obteve grande repercussão. Com cozinheiros amadores, o intuito era transformar os participantes em chefs profissionais, elaborando provas, em que a cada semana é eliminado um candidato.

A avaliação normalmente acontece por uma bancada de renomeados chefs. Apresentado pela emissora Band, o programa já contou com duas temporadas. A terceira edição começou no dia 15 de março. O vencedor da competição ganha um prêmio em dinheiro, além de cursos no exterior.

Top Chef

Seguindo ainda o formato de reality show, o Top Chef consiste na competição de chefs por meio de desafios culinários. Mesclando conhecimento, bom gosto e criatividade, o programa é um prato cheio para quem aprecia a arte de cozinhar.

No programa, exibido pelo canal Sony, os profissionais são avaliados por tradicionais chefs, que igual ao Master Chef, eliminam semanalmente um participante. Além da nacionalidade, a principal diferença dos reality shows é que, enquanto o MasterChef Brasil seleciona candidatos amadores, o Top Chef busca por participantes já experientes e profissionais.

Kitchen Nightmares

Adaptação da série britânica Ramsay’s Kitchen, a série de televisão Kitchen Nightmares é uma produção dos Estados Unidos, que é exibida pelo canal Fox. Reformulando os cardápios, a equipe e até mesmo a decoração, o programa é ideal para entender o processo interno de um restaurante.

Visitando estabelecimentos que estão quase falindo, o profissional Gordon Ramsay reestrutura os métodos, realiza repaginação no salão e, obviamente, investe em um novo menu. Com a pitada exata de entretenimento e de dicas, a atração prende a atenção do telespectador do início ao fim.

Programa da Palmirinha

O carisma da apresentadora já é motivo suficiente para assistir ao programa. Apresentando receitas inéditas e com a participação de convidados especiais, o programa da Palmirinha dá um show em praticidade e em dinâmica.

Ensinando principalmente pratos de fácil realização, a vovó mais adorada do Brasil ainda conta com a presença do boneco Guinho, mostrando tudo no passo a passo. Como já diz o ditado, “não existe comida melhor do que a de vó”, certo? O programa pertence a programação do Fox Life e do Fox Play.

Diário de Olivier

A atração faz uma abordagem completa: cenário, cultura e, claro, gastronomia. Desbravando regiões do mundo, Olivier apresenta as mais diversas culinárias do país. Transmitido no canal GNT, ao final de cada episódio, fica apenas uma sensação: gostinho de quero mais! Além do programa, o chef conta com uma plataforma que exibe receitas e vídeos.

Cozinha Sob Pressão

Estreado no canal aberto SBT, o Cozinha Sob Pressão é a versão brasileira do reality internacional Hell’s Kitchen. Orientado pelo crítico chef Carlos Bertolazzi, 16 profissionais têm que impressionar o chef, mostrando que devem permanecer na disputa.

Como o próprio nome da atração sugere, os participantes vivenciam momentos turbulentos, tendo que lidar constantemente com os comentários ácidos e fervorosos do chef que comanda a cozinha. O vencedor ganha uma quantia em dinheiro, além de prêmios surpresas. A terceira temporada terminou no final de janeiro, mas o conteúdo está disponível na internet.

A Cozinha de Nigella e Nigellissima

A chef britânica Nigella Lawson está à frente de tradicionais programas de receita que são transmitidos pela GNT. Pioneira no segmento de atrações de culinária, a profissional apresenta receitas descomplicadas e sofisticadas.

A Cozinha de Nigella, Receitas de Nigella e Nigelllisima são alguns dos programas de televisão da renomada chef. Direcionados a todos os apreciadores da gastronomia, o conteúdo é ideal para quem busca aprender a cozinhar.

Bela Cozinha

Filha de Gilberto Gil, a nutricionista Bela Gil comanda um programa de culinária no canal GNT. Incentivando o consumo de ingredientes saudáveis, a apresentadora mostra que é possível manter uma dieta equilibrada ao elaborar pratos saborosos.

A chef mescla receitas e conversas e a atração conta com a presença de convidados que abordam questões alimentares de relevância para a sociedade.

Homens Gourmet

E quem pensa que cozinha é lugar de mulher nunca esteve tão enganado. O programa Homens Gourmet mostra que eles também são feras na culinária. Com um toque masculino, a atração tem um tom descontraído com uma pitada de bom humor.

A atração é apresentada por Carlos Bertolazzi, Dalton Rangel, Guga Rocha e João Alcântara. Exibido pela Fox Life, o programa rendeu ainda o Homens Gourmet na Estrada, em que os meninos viajam pelo Brasil encontrando as especificidades da rica gastronomia brasileira. Nesta versão, o programa não conta com a participação de João Alcântara.

Cozinha Prática com Rita Lobo

Mais um dos clássicos programas de gastronomia que passa no GNT. A temporada mais recente da atração tem como tema “back to the basics”, que, em tradução literal, é “de volta ao básico”. Nesse sentido, o programa incentiva a desgourmetização dos pratos. A apresentadora preza pela utilização de ingredientes simples e tradicionais da culinária nacional e agrada tanto iniciantes quanto profissionais da cozinha.

Tasty Demais

Canal de receitas rápidas do site estadunidense Buzzfeed, o Tasty foi lançado em 2015 e ganhou versões traduzidas para outros países, inclusive o Brasil. Chamada de Tasty Demais, a versão tupiniquim é um sucesso tão grande que já conta com mais de 10 milhões de curtidas em sua página no Facebook, onde as receitas são postadas.

O modelo tem se destacado por fugir dos formatos tradicionais de programas de culinárias, pela praticidade e rapidez. Com menos de dois minutos, em vez de um apresentador no comando, os vídeos se focam apenas na preparação dos pratos, dos simples aos mais inovadores — como o “sushi de omelete” e a “caneca de café da manhã” —, todos extremamente simples de preparar. O canal é ideal para quem não tem tempo a perder e gosta de cozinhar sem dramas.

Batalha dos Cozinheiros

26 duplas de cozinheiros amadores, um prêmio de R$ 200 mil e o famoso confeiteiro norte-americano Buddy Valastro, o “Cake Boss”. Esses são os ingredientes que formam o reality show Batalha dos Cozinheiros, da Rede Record.

Durante a competição, os participantes são testados em desafios em dupla, em equipe e na batalha final, em que os piores cozinheiros do dia precisam lutar pela sobrevivência no programa criando um prato com os ingredientes que estiverem na geladeira. A receita perfeita para quem busca criatividade e um toque de cozinha tradicional brasileira na sua TV.

I Could Kill for Dessert

Não se engane com o nome em inglês: o canal I Could Kill for Dessert, ou em tradução livre “Eu poderia matar por sobremesa” é brasileiríssimo e repleto de receitas doces para futuros chefs ou cozinheiros de primeira viagem.

Com uma linguagem didática e divertida, Danielle Noce traz em seus vídeos, além do passo a passo de cada uma das suas receitas, dicas exclusivas como as melhores formas de substituir ingredientes para veganos e vegetarianos, como aumentar o rendimento das porções ou não deixar a “massa do bolo desandar”.

O canal recebe, frequentemente, chefs convidados que trazem pratos especiais para todos os paladares. E para quem deseja guardar as receitas para depois, elas são disponibilizadas na íntegra (de acordo com o custo e grau de dificuldade) no blog que leva o mesmo nome.

Chef’s Table

Mesmo não se encaixando na categoria tradicional de programas de gastronomia, Chef’s Table é uma série documentário imperdível para quem se tornará chef. O formato é simples: cada temporada tem seis episódios e cada um deles invade a mente — e a cozinha — dos melhores chefs da gastronomia mundial.

Com uma fotografia deslumbrante e trilha sonora incrível, a série mostra o preparo dos pratos como verdadeiras obras de arte e revela histórias surpreendentes sobre alguns dos nomes mais admirados do mundo, como Massimo Bottura, dono do Osteria Francescana (considerado o segundo melhor restaurante do mundo), e o brasileiro Alex Atala e o seu D.O.M., restaurante paulista com duas estrelas Michelin.

Para quem está começando a sua jornada profissional e procura um olhar diferenciado sobre a culinária, Chef’s Table é o programa ideal. Afinal, em que outro local seria possível descobrir que Alex Atala se tornou cozinheiro para garantir um visto na Europa? O programa está disponível na Netflix Brasil.

Presunto Vegetariano

Para os vegetarianos, ou para os chefs que desejam apostar nesse tipo de culinária, esse é um dos melhores programas de gastronomia do gênero. Com receitas variadas e cheias de criatividade, o canal Presunto Vegetariano desmistifica a ideia de que um estilo de vida saudável precisa ser sem graça.

Hambúrguer de feijão-preto, quibe assado de grão-de-bico, rolinho vietnamita, leite de coco caseiro, bombom de biomassa de banana-verde, maionese de couve-flor são alguns dos pratos que compõem o catálogo do canal, que também traz opções para os veganos, como o petit gateau com sorvete de paçoca, pão de mel, doce de leite e até coxinha vegana.

BBQ em Casa

Para os carnívoros não faltam opções de programas de gastronomia, mas você já tinha visto um canal que se dedica inteiramente a elaborar receitas com carnes? Criado em 2012 pelo especialista em churrasco André Dias, o BBQ em Casa traz dicas e macetes sobre os melhores cortes, formas de amaciar as carnes, os molhos ideais para cada prato e até como limpar e acender a sua churrasqueira.

Mas não para por aí. Na cartilha do chefe, que traz vídeos novos toda quarta e sexta, é possível ainda aprender a preparar deliciosos acompanhamentos para incrementar aquele churrasco do final de semana, como tomate grelhado, salmão assado, pão de alho caseiro, bacon caramelizado, molhos de maionese e barbecue e até a famosa caipirinha para entreter as visitas até a saída dos pratos.

Ana Maria Brógui

O ano de 2006 foi marcado pelo estouro do YouTube no Brasil, período em que a maioria das pessoas finalmente ganhou a oportunidade de compartilhar online com o mundo inteiro as suas ideias, modo de vida, talentos musicais e até mesmo dotes culinárias. E foi o que fez Caio Novaes ao criar o Ana Maria Brógui, primeiro programa de culinária da plataforma no Brasil, em setembro do mesmo ano.

10 anos depois, com mais de 1 milhão de inscritos, o diferencial do canal é apresentar as receitas secretas das maiores marcas do mundo com um toque de criatividade e improviso. KitKat, Cebola do Outback, Big Mac, Doritos, Nutella e até Kinder Ovo são algumas das mais famosas, e deliciosas, para fazer sem sair de casa. Uma prova de que cozinhar não é tão difícil quanto parece.

Boca a Boca

Cozinheira, apresentadora, dona de restaurantes, escritora e colunista da revista Casa & Comida, para a chef Carla Pernambuco ainda sobra tempo para dividir as suas receitas mais deliciosas no canal Boca a Boca. E o melhor: todas são inspiradas nas séries e programas de televisão mais amados de todos os tempos, como Game of Thrones, The Walking Dead, Breaking Bad e Gilmore Girls.

Toda quinta-feira, o canal lança um novo episódio do “Séries a Bolonhesa” que traz pratos simples, baratos e ideais para quem não quer perder tempo sujando louças e lavando panelas. Os mais famosos são a costela de porco de House of Cards, a torta de maçã da Regina do seriado Once Upon a Time, batatas gratinadas de Mad Men, cheesecake de Friends e até a comida favorita do Chaves, o famoso sanduíche de presunto.

Quase tão popular quanto uma partida de futebol, os programas de gastronomia se tornaram uma das principais atrações brasileiras. Desde os jovens até os mais experientes, a cozinha tem se mostrado um lugar para todas as idades e para todas as classes. Os interessados em se aperfeiçoar na área podem ainda se inscrever em cursos ou em uma faculdade de gastronomia, que além do conhecimento teórico, oferece vários benefícios.

Pronto para se transformar no próximo Masterchef? Se quiser acompanhar as novidades do site em primeira mão, não deixe de nos seguir nas redes sociais!