Português, Química, Física, Matemática, História, Biologia… são tantas matérias para revisar e absorver em meio ao nervosismo que bate no momento do vestibular. No meio dessa tensão toda, o medo daquele branco na hora H é a maior de todas as aflições.

Trata-se de um bloqueio devido ao estresse de alguma situação, como a tensão da prova. Ele acontece por causa do excesso do hormônio cortisol, que, liberado no organismo em grandes quantidades, prejudica a comunicação entre os neurônios. Geralmente, esse bloqueio passa em pouco tempo, quando o indivíduo se acalma e a quantidade do hormônio diminui no organismo.

Por isso, compilamos algumas dicas de estudo para que você aprenda e memorize as matérias para sair da sala do vestibular rumo às salas da faculdade. Confira!

É primordial manter o sono em dia

O medo de não se lembrar de tudo e a quantidade de matérias a revisar — muitas vezes, em cima da hora — podem fazer parecer mais interessante dormir menos para estudar mais. Contudo, manter o sono em dia é primordial para o funcionamento correto do cérebro.

Além disso, quando estamos em estado de alerta, nosso organismo despeja ainda mais hormônios para que permaneçamos acordados, o que chamamos de situação de estresse. Vale lembrar, também, que o sono é parte importante do processo de registro da memória. Ou seja: para que você armazene corretamente o que aprendeu, tem que dormir bem.

Cuidado com a alimentação nunca é demais

Essa dica, apesar de batida e parecer boba, é imprescindível. O cuidado com a alimentação é tão importante quanto manter o sono em dia, pois alguns alimentos propiciam o estado de alerta, que mencionamos no tópico anterior.

Portanto, evite a ingestão de bebidas ricas em cafeína nas horas antes da prova. Durante os estudos, aposte em alimentos ricos em fibra (fonte de energia rápida) e que melhoram a memória, como os ricos em ômega 3, zinco, colina e vitaminas do complexo B. Para barrar a ansiedade, queijo branco, castanhas, leite e iogurte desnatado são boas apostas. Ah, e não se esqueça de beber bastante água!

Relaxar antes de estudar faz muito bem

Há quem prefira um banho quente e demorado para relaxar, ou praticar exercícios físicos como uma corrida. Seja qual for a sua forma de relaxamento (desde que não contenha álcool!), fazê-lo antes de estudar ajuda o cérebro a manter-se focado durante os estudos. Com isso, sua capacidade de aprendizado fica ainda melhor.

Estudar até o último minuto só atrapalha

Isso é fato! Ficar revisando matéria ou estudando os pontos pendentes momentos antes da prova só aumenta a ansiedade.

Lembre-se: se você não dormir, não efetivará o registro da memória adquirida e, muito provavelmente, terá esquecido o que leu ao sentar-se na cadeira para fazer a prova. Nas horas antes da prova, procure fazer algo que você goste para aliviar o estresse.

Simulado é igual à prova, só que diferente

Sabe por que muitos vestibulandos vão superbem nos simulados, mas afundam na prova? Estresse. Durante os simulados, não estamos pressionados a ter um bom desempenho; afinal, é apenas um teste sem valor.

Por isso, faça muitos simulados e se teste bastante, mas não esqueça que seu pior inimigo não é o volume de matérias, mas sim o estresse. Uma ótima dica: proponha-se desafios: você só poderá fazer algo que quer muito se a nota do simulado for boa. Isso ajudará você a se acostumar com a tensão.

Comece pelas matérias que domina

Quando começar a estudar para o vestibular, o interessante é que você comece dando maior ênfase nas matérias em que você tem mais dificuldade ou ainda não sabe. Isso porque dessa maneira você terá mais tempo para aprendê-las. Já para as matérias nas quais você tem domínio do assunto, basta revisá-las e tirar algumas dúvidas nos intervalos da mais difíceis.

Na prova, você inverte essa lógica, fazendo primeiro as que domina para então se dedicar àquelas mais difíceis. Assim, você otimiza tempo e tem mais chances de conquistar um número maior de acertos.

Anotar ajuda a não esquecer

Fazer anotações durante os estudos te ajuda a memorizar a matéria. Mais do que isso, anotações de temas e termos chave durante a prova te ajudam a acessar as informações memorizadas e lembrar do conteúdo necessário para resolver uma questão.

Isso acontece porque o cérebro trabalha melhor com dicas, processando mais rapidamente a informação até conseguir encontrar o que você precisa em sua memória.

É preciso pausar os estudos para respirar

Como dissemos lá no início, cada pessoa se adapta melhor a uma metodologia de estudo. Contudo, de modo geral, fazer curtas pausas nos estudos é saudável para o cérebro não se sobrecarregar com o tanto de informações processadas. E não estamos falando apenas da pausa para dormir!

Apesar de alguns estudantes se adaptarem a uma rotina de estudos de até 14 horas por dia, o mais interessante é fazer pequenas pausas a cada 1 ou 2 horas para, inclusive, exercitar o resto do corpo, andando pelos cômodos da casa, por exemplo.

O conteúdo aprendido está na sua mente

Se você estudou bastante, aprendeu a matéria e dormiu bem durante os meses de estudos, não se preocupe se der branco. Tudo estará armazenado no seu cérebro. E se aquela sensação de “eu sabia disso” bater, o melhor a fazer é pular para a próxima questão. Depois de alguns minutos desenvolvendo outros assuntos, volte à questão do branco e, provavelmente, você será capaz de solucioná-la.

Se for um daqueles brancos que duram mais tempo, tente ir pensando sobre o tema, sem forçar a mente a encontrar a resposta correta. Ao escrever aleatoriamente sobre a questão, você certamente encontrará uma conexão daquilo que escreve com a informação bloqueada.

Você se lembra da Dory, da animação Procurando Nemo? Se o branco persistir mesmo após seguir essas dicas de estudo para a prova, não se preocupe e “continue a nadar””. Afinal, é melhor uma questão não resolvida do que uma prova inteira em branco. Então, depois de todas essas dicas, o segredo é estudar de forma estratégica e sem enrolação!

Não vá embora antes de dizer pra gente se você já pratica alguma dessas dicas de estudo. Deixe seu comentário aqui compartilhando seus macetes conosco e bons estudos!